quarta-feira, 21 de setembro de 2011

[Resenha] Especiais (#3 Feios) - Scott Westerfeld

Especiais
Scott Westerfeld
Editora: Record
Gênero: Y.A Books
Páginas: 351

“Tally agora é uma Especial. Mais do que isso, é uma cortadora. Em vez do rosto perfeito que escondia uma cabeça de vento, ela tem agora uma beleza cruel e um corpo cem por cento letal. Com sentidos aguçados e mente sagaz, nada pode impedi-la de cumprir a missão que lhe foi dada, principalmente se isso envolve acabar com a Nova Fumaça. Ou melhor, quase nada.

Lembranças de sua antiga vida trazem à tona sentimentos intensos o bastante para abalar as convicções de sua mente especial. Só Tally pode decidir quem vai ganhar essa disputa: seus instintos treinados de Especial ou sua verdadeira consciência.”

[Cuidado! A resenha pode conter spoilers dos livros Feios e Perfeitos. Clique nos respectivos links para acessar as resenhas deles.]

Descrevendo o livro com apenas uma palavra, ele é, com o perdão do trocadilho, especial. Quando eu li o primeiro e o segundo livro, fiquei com um sentimento nobre de necessidade de mudar o rumo das coisas, eu parei pra pensar em como o mercado da beleza está deturpado e como o mundo poderia sim caminhar na direção do ambiente apresentado nos livros. Porém, quando eu li o terceiro fui tomada por um sentimento ainda mais estranho, algo... Sagaz como o próprio livro gosta de usar. Eu realmente me surpreendi com o desenrolar das coisas. Desde a primeira página os acontecimentos vão surgindo com um gás de tirar o fôlego, quando fui parar pra ver, estava terminando de devorar as últimas páginas com uma voracidade que há muito eu não tinha por um livro. Gostei tanto do desfecho, que, apenas com esse volume, a série foi promovida para a minha lista de favoritas.

Tally, agora transformada em uma especial, se diz curada da mente avoada que tinha antes quando era uma Perfeita. Porém, com o desenrolar do livro você percebe que ela não está tão ciente de seus atos assim, sua personalidade está em constantes abalados: Hora a temível especial criada pela Dra. Cable, hora a ousada feia que um dia resolveu fugir do sistema. Perdida nesse conflito interno, ela tenta cumprir os seus objetivos e embarca em uma viagem para destruir a Nova Fumaça e trazer Zane, seu amado, para o lado dos Especiais. Entretanto, qual lado prevalecerá na hora em que a destruição de seu antigo lar está eminente?

Nesse livro Tally encontra novamente com Andrew, um bárbaro que vivia preso em uma vila de experiência comandada pelo governo. Eu acho que já mencionei isso na resenha anterior, mas eu gostei muito da idéia de uma vila “bárbara” presa aos antigos costumes e crenças e fadada a uma vida de vingança. E eu tenho um apego especial por Andrew, também. Ele é selvagem, forte, habilidoso e ao mesmo tempo de uma inocência cativante. Além do mais, ele é feio. Acho que no contexto do livro isso significa muito, já que os feios são aqueles mais puros e longe de qualquer modificação cerebral.

Em geral, o livro é muito bem escrito, mantendo um ritmo agradável de leitura até o fim. A única parte que me incomodou (e que aparece não só nesse livro, mas também no segundo) é a repetição cansativa das gírias usadas por eles, como: borbulhante, medíocre, sagaz, avoado. Eu sei que tais gírias fazem parte da história e devem ser usadas da mesma forma que nós usamos as nossas. Mas, mesmo sabendo e aceitando isso, não consegui me livrar da leve irritação todas as vezes em que eu tinha que ler tais palavras. Talvez eu seja apenas muito fresca.

Enfim, eu recomendo muitíssimo a leitura de toda a série, principalmente desse livro. O final foi surpreendente, fantasticamente elaborado e especial. Acho que eu já repeti isso várias vezes, mas é bom reforçar a idéia (:

Avaliação:


Capa:
Acabamento do livro:
História:
Andamento:
Desfecho:



Avaliação Geral:

Um comentário:

  1. Gostei da resenha, eu também adoro á série Feios, tem algumas coisas que não gosto na história, mas mesmo assim considero uma das melhores séries que já li. Uma história diferente e original.

    Depois vou postar resenha dos livros lá no meu blog também ;D

    bjão;*
    Naty - Just Books !

    ResponderExcluir