segunda-feira, 21 de novembro de 2011

[Resenha] GlimmerGlass (#1 Faeriwalker) - Jenna Black

Série Faeriewalker
Volume 1 - GlimmerGlass - O encontro de dois mundos
Jenna Black
Editora: Universo dos Livros
Gênero: Fantasia, Romance.
Páginas: 296
"Dana Hathaway ainda não sabe, mas vai acabar se metendo em apuros quando decide que é a hora de fugir de casa para encontrar seu misterioso pai na cidade de Avalon: o único lugar na Terra onde o mundo real e o mágico se cruzam. No entanto, assim que Dana põe os pés em Avalon, tudo começa a dar errado, pois ela não é uma adolescente comum – ela é uma faeriewalker, um indivíduo raro que pode viajar entre os dois mundos e a única pessoa que pode levar magia ao mundo humano e tecnologia a cidade de Faerie. . Não demora muito e Dana envolve-se no jogo implacável da política do mundo da magia. Alguém está tentando matá-la, e todos parecem querer alguma coisa dela, desde seus novos amigos e da família até Ethan, o lindo garoto com poderes fantásticos com quem Dana acha que nunca terá uma chance… Até ter uma. Presa entre esses dois mundos, Dana não sabe bem onde se encaixa ou em quem pode confiar, muito menos se sua vida um dia voltará a ser normal."
Eu comprei esse livro na Bienal pra presentear minha irmã, a capa era belíssima e falava de fadas, um assunto muito escasso em meio a atual avalanche de livros fantásticos (que eu me lembre de algum outro, só Artemis Fowl do Eoin Colfer). E então eu pensei, “tomara que ela goste, né?!”. Cruzei meus dedinhos ao entregar o presente à dona Lara... Ela devorou o livro, quase que literalmente. Leu em horas e disse que achou muito legal. Ou seja, eu tive que ler!
Uma coisa que eu achei muito curiosa, foi o fato de o título não ter sido traduzido. Ok, que seria difícil uma tradução ao pé da letra, mas as editoras geralmente dão nomes em português.
Ao ler, eu compreendi o porque do título ser em inglês.
Dana é uma mestiça, filha de uma humana e um feérico, os seres de Faerie, vulgo fada. No livro, o mundo das fadas não só existem como é de conhecimento de todo mundo. Avalon é a única cidade no mundo onde os dois mundo se encontram, o mundo real e o mundo mágico. Ali, homens e feericos (além de outras criatura mágicas, porém em menor expressão) convivem e só pode ser feito ali. Feéricos não podem ultrapassar a fronteira de Avalon, porque se o fizerem estão em Faerie e os humanos, estarão em terras inglesas. Avalon é o único lugar onde esses mundo se tocam e GlimmerGlass é aquilo que os Faeriwalker (já explico o que é) vêem quando olham a fronteira dos domínios de Avalon.
A mãe de Dana foi embora de Avalon quando engravidou dela e desde então elas nunca se fixam em um lugar. Isso faz de Dana uma garota solitária, já que quando ela começa a fazer amigos, logo sua mãe diz que elas vão embora. A garota sofre também com o fato de a mãe ser alcoólatra e diante de 16 anos se envergonhando da mãe pelos vexamos dela e de ter que cuidar dela a cada porre, Dana resolve procurar seu pai e ir até Avalon.
Uma das coisas que eu realmente gostei foi isso. Dana não é mais uma daquelas protagonistas chatinhas que fica “oh meu Deus, como o mundo é cruel!”. Ela toma conta da própria vida e não aguentando mais viver naquela situação e com uma solução palpável, ela vai e faz.
Porém o que ela achava que iria tornar sua vida mais fácil, acaba virando a cabeça dela de cabeça pra baixo, e de um jeito muito, muito ruim. É ai que ela descobre porque a mãe sempre mudava e o porque tinha ido embora de Avalon
Dana é filha de um feérico muito poderoso e isso faz dela uma Faeriewalker, isto é, ela é um ser muito raro, que pode viajar entre os mundos, o humano e um feérico. Isso pode trazer todos os problemas imagináveis até ela.
A trama é sedutora, te prende do início ao fim. É ai que vem a gastura, porque você quer ver logo como aquilo tudo vai ser resolvido. Além disso, o ambiente é completamente novo e muito convidativo, isso da uma atmosfera bastante misteriosa e mágica, e nunca dá pra saber quem fala a verdade pra Dana, é realmente confuso. Não existem mocinhos, somente pessoas e seus interesses. Confesso que isso me atrai muito, não gosto de livros onde tem um personagem que é a pureza em pessoa, isso me irrita profundamente. Todo mundo tem um defeitinho, faz parte e isso é legal, faz a história ser mais interessante.
O ritmo do livro é feroz e as “fadas” não tem nada de muito Tinkerbell. Jenna fez um excelente trabalho, a narrativa apesar de ser em primeira pessoa e por isso tende a ser um pouco confusa, já que vemos tudo da perspectiva da personagem principal e ela mesma não tá entendo bem o que está acontecendo, na realidade não é nada confusa, é flúida e rápida (como eu amo de um jeito que nem posso explicar). Dana se envolve em problemas do momento em que põem os pés em Avalon até provavelmente o fim do terceiro livro, já que ela tem vocação pra atrair problemas.
Sim, pra minha enorme tristeza (leia porque não somos fãs de séries aqui, o texto é da Flah, mas eu assino embaixo), mas ao mesmo tempo alegria, Glimnerglass é o primeiro da trilogia Faeriewalker. Jenna escreveu mais dois livros com capas igualmente lindas e eu realmente mal posso esperar para lê-los. O problema é que não tem nem previsão da chegada deles aqui.
Mas de qualquer forma eu amei esse livro. Nem precisa falar da capa, ela entrou no nosso Top 5 não foi atoa e o livro é todo muito bem cuidado, simples, mas justo (o rosa que eles usaram nas orelhas, é simplesmente MARAVILHOSO).
Glimmerglass ainda não é um dos meus livros preferidos, mas chega muito perto. No final do livro a Dana começa a ficar meio retardada, mas o desfecho do livro é bem legal, fica a deixa perfeita pro próximo livro e a gente fica com o gostinho de quero mais. Super, digo, SUPER recomendo.


Avaliação

Capa:
Acabamento do livro: 
História: 
Andamento: 
Desfecho: 

Avaliação Geral

2 comentários:

  1. Que linda resenha!
    Nossa, me interessei muito pelo livro. Quero ler, agora !
    Beijos, Gengiscan Pereira, Books For Me, NOW!

    ResponderExcluir
  2. Uau, que resenha enorme!
    Essa capa é linda mesmo, eu amo! Comprei o livro há um tempão só por causa da capa mas ainda não consegui ler!
    A história parece ser boa e pelo que vejo dos comentários é caso de amor ou ódio né hehe!
    Quero ler bem em breve!

    beijões,
    Aninha
    @trueinsightsnet
    http://true-insights.blogspot.com/

    ResponderExcluir