quarta-feira, 3 de outubro de 2012

[Resenha] UnEnchanted - Chanda Hahn


UnEnchanted
Chanda Hahn
Editora: Amazon Digital Services
Gênero: Fantasia, ficção
Páginas: 211 (Kindle)
Nível do Inglês: 2/4 (Médio)
“Mina Grime is unlucky, unpopular and uncoordinated, that is until she saves her crushes life on a field trip, changing her High School status from loser to hero overnight. But with her new found fame brings misfortune in the form of an old family curse come to light. For Mina is descended from the Brothers Grimm and has inherited all of their unfinished fairy tale business. Which includes trying to outwit a powerful Story from making her it's next fairytale victim. To break the fairy tale curse on her family and make these deadly occurrences stop, Mina must finish the tales until the very Grimm end.”
Eu peguei esse livro para ler por dois motivos. Primeiro, porque ele estava de graça na Amazon (e dinheiro é algo que hoje está meio escasso aqui em casa). Segundo, porque eu adoro o assunto! Sério. Eu sou fascinada por qualquer coisa que envolva conto de fadas, fantasia e os irmãos Grimm. Portanto, é de se imaginar que um livro que reúna esses três elementos tenha me chamado tanta atenção.

Mina é uma garota muito, muito desastrada e por isso prefere viver em seu canto, evitando chamar atenção para as suas humilhantes trapalhadas. Em consequência, acaba por se tornar uma aluna nada popular, excluída e evitada até pelos professores, que já cansaram de lhe mandar trabalhos extras por causa de seus atrasos.

No entanto, um dia, quando salva o garoto mais popular da escola de um destino bem doloroso, Mina ganha as atenções por um tempo e, junto a essa atenção, ela descobre que a sua vida é muito mais complicada do que parece e que a sua nuvem negra de azar só está começando a torná-la um inferno.

De um dia para o outro, a menina descobre que é amaldiçoada e que, para se desfazer dessa maldição e não ter um destino trágico, ela terá que enfrentar provas terríveis muito mais perigosas do que tropeções ou trabalhos atrasados.

Tenho uma palavra para descrever essa história: Dumbo.

Sabe aquela cena dessa animação da Disney em que o elefantinho começa a alucinar, vendo vários elefantes rosas tocando, dançando e fazendo coisas estranhas? Aquela em que em seguida um monte de coisas desconexas começam a acontecer e cada vez mais elefantes de diferentes cores e formas aparecem em um misto de algo ainda mais incompreensível? Pois é, o livro é mais ou menos isso. De verdade. A autora joga vários acontecimentos estranhos e tenta (sem muito sucesso) fazer uma conexão entre eles. A obra inteira é feita de retalhos mal costurados uns nos outros e que resultam em uma colcha confusa, sem um padrão definido e cheia de buracos.

Aliás, não é só isso. A autora criou uma história repleta de clichês. Sabe aquele basicão onde uma garota bem apagada socialmente, aquela com a qual ninguém se importa e que, de repente, acaba por cair sob os olhos do garotão popular, muito bonito e gente boa, e que lança o famoso discurso de que está cansado de ser popular, fingindo o tempo todo ser uma coisa que não é e que ao lado dela ele pode ser ele mesmo? Pois é isso mesmo que acontece. E olha que eu, na maior parte das vezes, evito reclamar sobre os clichês de uma obra.

Outra coisa que me incomodou foi a protagonista. Mina é aquele tipo de personagem com o complexo de Bella Swan. É chata demais, irritante demais, mesquinha demais. Ela não convence como heroína e muito menos cativa como tal. Aliás, nenhum dos personagens cativa. São quase que programados como robôs, feitos à partir de modelos pré-definidos para livros do mesmo gênero.

Admito que ne surpreendi um pouco com o final. Depois de um livro inteiro de interrogações e muitos acontecimentos confusos, o desfecho trouxe um pouco de luz para história. Uma luz fraca e insuficiente, mas ainda assim uma luz.

Bem, em resumo, eu não gostei do livro e não o recomendo. A autora pegou um tema, a princípio, interessante e o desenvolveu de forma pobre, sem coesão e nem um pouco fluida. Tornou seu livro algo sem noção e de qualidade questionável. Mesmo com o final intrigante, não tenho vontade alguma de continuar a série.


Avaliação:
História: 
Andamento: 
Desfecho: 

Avaliação Geral:

Um comentário:

  1. oi,
    Pela capa o livro parece legal, mas é muito triste quando a gente espera gostar do livro e ele nos decepciona.

    adorei seu blog, muito lindo!
    estou te seguindo, segue o meu tambem
    http://www.lostgirlygirl.com

    bjos

    ResponderExcluir